Versículos que falam de Roubo

Roubar o próximo é pecado, não devemos fazer isso nunca. Deus é contra aqueles praticam roubos, que pegam coisas alheias daqueles que trabalham com honestidade.

Deus quer que nós trabalhamos de maneira séria, que esforçamos para adquirir nossos objetivos através de nossos esforços.

Aqueles que tiram dos que não tem, ou que roubam dos ricos, estão cometendo pecado do mesmo jeito, e isso poderá trazer grandes consequências difíceis pela frente.

No entanto, Deus nos adverte para não pegar nas coisas que não nos pertence, afim que cada um trabalhe para adquire seu próprio pão e ter vida longa aqui na terra. Deus abençoa os justos, que é fiel a ele e que compre suas lei de dia e de noite.

Porém, aos quem praticam roubos e furtos, se vier arrepender de seus erros, Deus é misericordioso e bondoso para perdoar todos os pecados. Afinal, existe pecado de diversas maneiras. Mas aqueles que se arrependem de coração e que fazer um concerto com Deus, o pai perdoa seu filho. Segundo a Bíblia, há alegria na presença dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende.

O inimigo tenta se manifestar de todas as maneiras, ou seja, ele aproveita das fraquezas das pessoas e usam elas para cometer diversos erros, a qual acaba prejudicando suas próprias vidas sem perceber.

Vamos aos versículos abaixo:

Efésios 4:28 – “O que furtava não furte mais; antes trabalhe, fazendo algo de útil com as mãos, para que tenha o que repartir com quem estiver em necessidade”.

Levítico 19:11 – “Não furtem. “Não mintam. “Não enganem uns aos outros.

Êxodo 20:15 – “Não furtarás.

Levítico 6:2 – “Se al­guém pecar, cometendo um erro contra o Senhor, enganando o seu próximo no que diz respeito a algo que lhe foi confiado ou deixado como penhor ou roubado, ou se lhe extor­quir algo”.

Salmos 62:10 – “Não confiem na extorsão nem ponham a esperança em bens roubados; se as suas riquezas aumentam, não ponham nelas o coração”.

João 10:10 – “O ladrão vem apenas para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham plenamente”.

Êxodo 22:7 – “Se alguém entregar ao seu próximo prata ou bens para serem guardados e estes fo­rem roubados da casa deste, o ladrão, se for encontrado, terá que restituí-los em dobro”.

Provérbios 10:2 – “Os tesouros de origem desonesta não servem para nada, mas a retidão livra da morte”.

Romanos 13:9 – Pois estes mandamentos: “Não adulterarás”, “Não matarás”, “Não furtarás”, “Não cobiçarás”e qualquer outro mandamento, todos se resumem neste preceito: “Ame o seu próximo como a si mesmo”.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *