6 Versículos que a bíblia diz sobre Jejum e como Jejuar

Em várias igrejas evangélicas do Brasil, é muito comum os irmãos jejuarem, os jejuns que eles fazem, é para fazer um agradecimento a Deus, por ter feito uma obra ou milagre na vida do servo do Senhor. Muitos irmãos também jejuam, certamente, é para pedir o Senhor uma ajuda, para que venha fazer uma obra que está muito precisando, e o jejum, claro, como forma de agradecimento a Deus.

O jejum só vale para Deus, quando o crente está sendo sincero, que teme os seus mandamentos e que obedece todas as suas lei. É bom saber que, se uma pessoa jejuar e depois ficar fazendo coisas erradas, ou pecando, de nada vai valer o que ele fez.

Quando uma pessoa aceita Jesus, é porque ela está sentindo muito amor e alegria em servir a Deus, e também, para receber a salvação. O membro quando é novo na graça, alguns deles tem um pouco de dificuldades para esquecer e deixar as coisas do mundo, mas o Senhor, sempre da força, Deus ajuda, afinal, quando uma pessoa decide mudança em sua vida, essa atitude também tem que vir da parte dela.

Para Deus, o crente que é sincero e digno a ele, não participa de coisas do mundo, então, para Deus, isso também é considerado um jejum, pois não participar das coisas imundas, é também um sacrifício.

É preciso saber que, nem todas as igrejas evangélicas fazem jejum, algumas fazem, outras não.

Aqui nesta página, serão encontrados alguns versículos bíblicos que falam sobre Jejuar. Confira:

Atos dos Apóstolos 14:23 – “Paulo e Barnabé designaram-lhes presbíteros em cada igreja; tendo orado e jejuado, eles os encomendaram ao Senhor, em quem haviam confiado”.

Esdras 8:23 – “Por isso jejuamos e suplicamos essa bênção ao nosso Deus, e ele nos atendeu”.

Daniel 9:3 – “Por isso me voltei para o Senhor Deus com orações e súplicas, em jejum, em pano de saco e coberto de cinza”.

Neemias 1:4 – “Quando ouvi essas coisas, sentei-me e chorei. Passei dias lamentando-me, jejuando e orando ao Deus dos céus”.

2 Coríntios 11:27 – “Trabalhei arduamente; muitas vezes fiquei sem dormir, passei fome e sede, e muitas vezes fiquei em jejum; suportei frio e nudez”.

Mateus 4:1-2 – “Então Jesus foi levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo Diabo. Depois de jejuar quarenta dias e quarenta noites, teve fome”.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *