Os 20 versículos sobre liderança

A verdadeira liderança é aquela que apresenta humildade, responsabilidade e respeito com todos. Também necessita de muita união, entre o líder e as pessoas, para que o grupo se desenvolva cada dia mais.

No texto bíblico, destaca-se grandes exemplos de líderes, como Moisés, Josué, entre outros homens de Deus. Eles eram homens humildades, honestos, capacitados e tinham muito respeito por todos. Tanto Moisés quanto Josué, eles nunca faziam o que eles queriam, mas, sim, o que Deus ordenava para eles fazerem, ou seja, eles eram líderes do grupo, mas acima deles tinha um líder bem maior, Deus. Porém, sabemos que, a liderança é apenas servir, e não ser servido,

O maior exemplo de liderança na Bíblia foi de Jesus, ele ensinava com todo amor e humildade, era amigo de todos, e nunca trava ninguém com diferença. Contudo, é preciso guardar este exemplo e praticar, saber que, liderar é guiar, ensinar e preparar o povo de Deus.

A palavra liderança significa – a arte de comandar pessoas, ou guiá-las. A função de um líder evangélico, é unir os irmãos do grupo, porque juntos e unidos, o grupo irá atingir boas conquistas.

Normalmente, a pessoa tem a chance de se tornar um líder na igreja, quando ela se destaca muito, ou seja, quando todos percebem que ela é uma pessoa capacitada, que possui um papel importante, que representa boas qualidades importantes à exemplo de forte compromisso com Deus, que possui dignidade, respeito, responsabilidade, humildade, criatividade e de grande esforço, quer dizer, pessoa guerreira, que tem tudo para fazer um ótimo trabalho no grupo, muito dedicada na obra do Senhor.

É importante lembrar que, todo líder é considerado uma autoridade, contudo, ele merece ser respeitado. Na Bíblia, encontramos vários versículos de honra ao líder – “Hebreus 13:17”, “1 Timóteo 5:17”.

Vamos conferir abaixo, alguns versículos bíblicos que falam sobre liderança:

Hebreus 13:7 – “Lembrem-se dos seus líderes, que transmitiram a palavra de Deus a vocês. Observem bem o resultado da vida que tiveram e imitem a sua fé”.

1 Timóteo 5:17 – “Os presbíteros que lideram bem a igreja são dignos de dupla honra, especialmente aqueles cujo trabalho é a pregação e o ensino”.

Êxodo 22:28 – “Não blasfemem contra Deus nem amaldiçoem uma autoridade do seu povo”.

Hebreus 13:17 – “Obedeçam aos seus líderes e submetam-se à autoridade deles. Eles cuidam de vocês como quem deve prestar contas. Obedeçam-lhes, para que o trabalho deles seja uma alegria, não um peso, pois isso não seria proveitoso para vocês”.

Provérbios 28:2 – “Os pecados de uma nação fazem mudar sempre os seus governantes, mas a ordem se mantém com um líder sábio e sensato”.

Eclesiastes 10:16-17 – “Pobre da terra cujo rei é jovem demais e cujos líderes fazem banquetes logo de manhã. Feliz é a terra cujo rei é de origem nobre, e cujos líderes comem no devido tempo para recuperar as forças, e não para embriagar-se”.

Deuteronômio 1:13 – “Escolham homens sábios, criteriosos e experientes de cada uma de suas tribos, e eu os colocarei como chefes de vocês”.

Mateus 20:25-28 – “Jesus os chamou e disse: “Vocês sabem que os governantes das nações as dominam, e as pessoas importantes exercem poder sobre elas. Não será assim entre vocês. Ao contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo, e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo; como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos”.

Mateus 23:10-11 – “Tampouco vocês devem ser chamados ‘chefes’, porquanto vocês têm um só Chefe, o Cristo. O maior entre vocês deverá ser servo”.

Êxodo 18:24-26 – “Moisés aceitou o conselho do sogro e fez tudo como ele tinha sugerido. Escolheu homens capazes de todo o Israel e colocou-os como líderes do povo: chefes de mil, de cem, de cinquenta e de dez. Estes ficaram como juízes permanentes do povo. As questões difíceis leva­vam a Moisés; as mais simples, porém, eles mesmos resolviam”.

2 Timóteo 2:15 – “Procure apresentar-se a Deus aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar e que maneja corretamente a palavra da verdade”.

2 Crônicas 15:7 – “Mas, sejam fortes e não desanimem, pois o trabalho de vocês será recompensado”.

1 Pedro 5:1-4 – “Portanto, apelo para os presbíteros que há entre vocês e o faço na qualidade de presbítero como eles e testemunha dos sofrimentos de Cristo como alguém que participará da glória a ser revelada: pastoreiem o rebanho de Deus que está aos seus cuidados. Olhem por ele, não por obrigação, mas de livre vontade, como Deus quer. Não façam isso por ganância, mas com o desejo de servir. Não ajam como dominadores dos que foram confiados a vocês, mas como exemplos para o rebanho. Quando se manifestar o Supremo Pastor, vocês receberão a imperecível coroa da glória”.

Tito 1:6-9 – “É preciso que o presbítero seja irrepreensível, marido de uma só mulher e tenha filhos crentes que não sejam acusados de libertinagem ou de insubmissão. Por ser encarregado da obra de Deus, é necessário que o bispo seja irrepreensível: não orgulhoso, não briguento, não apegado ao vinho, não violento, nem ávido por lucro desonesto. Ao contrário, é preciso que ele seja hospitaleiro, amigo do bem, sensato, justo, consagrado, tenha domínio próprio e apegue-se firmemente à mensagem fiel, da maneira pela qual foi ensinada, para que seja capaz de encorajar outros pela sã doutrina e de refutar os que se opõem a ela”.

1 Timóteo 3:2-7 – “É necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, moderado, sensato, respeitável, hospitaleiro e apto para ensinar; não deve ser apegado ao vinho nem violento, mas sim amável, pacífico e não apegado ao dinheiro. Ele deve governar bem sua própria família, tendo os filhos sujeitos a ele, com toda a dignidade. Pois, se alguém não sabe governar sua própria família, como poderá cuidar da igreja de Deus? Não pode ser recém-convertido, para que não se ensoberbeça e caia na mesma condenação em que caiu o Diabo. Também deve ter boa reputação perante os de fora, para que não caia em descrédito nem na cilada do Diabo”.

Filipenses 2:3 – “Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a vocês mesmos”.

Lucas 6:31 – “Como vocês querem que os outros lhes façam, façam também vocês a eles”.

Provérbios 15:22 – “Os planos fracassam por falta de conselho, mas são bem-sucedidos quando há muitos conselheiros”.

Provérbios 16:32 – “Melhor é o homem paciente do que o guerreiro, mais vale controlar o seu espírito do que conquistar uma cidade”.

1 Tessalonicenses 5:12-13 – “Agora pedimos a vocês, irmãos, que tenham consideração para com os que se esforçam no trabalho entre vocês, que os lideram no Senhor e os aconselham. Tenham-nos na mais alta estima, com amor, por causa do trabalho deles. Vivam em paz uns com os outros”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *