Versículos bíblicos sobre mal pagadores

Não façam dívidas para não ficarem endividados. Já ouviu essa frase? Pois é, mas existe outra frase que diz assim: Quem não deve é porque não tem crédito, como entender isso?

A primeira frase significa que se alguém não quiser ficar coberto de dívidas, é só comprar menos e economizar mais, fazendo isso ela terá como pagar tudo certinho e não será cobrada ou vista como uma pessoa mal pagadora.

Já a segunda frase, significa que, é muito difícil uma pessoa não dever, ou seja, quase ninguém tem a condição de comprar tudo a vista, no entanto, a necessidade fala mais alto e elas sentem a precisão de comprar a prazo.

A verdade, é que todo mundo gosta de comprar, mas pagar não é para todos, ou seja, quem gosta de comprar deveria também gostar de pagar, mas as coisas não funcionam assim.

Aquele que compra aprazo ou que toma dinheiro emprestado com a intenção de não pagar, é considerado caloteiro, ou seja, dá no mesmo de querer viver as custas dos outros, sem se preocupar de pagar um só centavo.

Todo comerciante precisa receber o dinheiro da mercadoria que foi vendida, se o consumidor não pagá-lo, como o comerciante vai sobreviver com a sua família, e como ele vai abastecer a sua empresa? Como vai conseguir sustentar o seu negócio se a mercadoria está saindo mais um dinheiro não está entrando? Sem dúvida, irá a falência. E aquele que empresta o seu dinheiro e não recebe, como fica a vida dele? Ele trabalha e vai juntando o seu dinheiro aos poucos para conseguir seus objetivos, mas vem um aproveitador dando uma de necessitado e pede o dinheiro emprestado afim de dar o calote. Aquele que emprestou por sentir amor e compaixão pelo próximo, mas não recebeu o seu dinheiro de volta, sem dúvida poderá enfrentar futuramente algumas crises financeiras, pois todo dinheiro que é emprestado e não devolvido ao dondo, faz falta para quem emprestou caridosamente. Será mesmo que Deus se agrada nisso, da pessoa pensar só nela mesmo e não se preocupar com o que vai acontecer com o próximo? Quem compra ou toma emprestado afim de não pagar, a ira e a cobrança do Senhor virá sobre ele. Afinal, se a pessoa não gosta de pagar e odeia ser cobrado, existe duas alternativas para ela: comprar e pagar certo; fazer empréstimo ou tomar emprestado e pagar direito, ou não comprar a prazo;  nem fazer empréstimo e nem tomar dinheiro emprestado. O devedor que não tem compromisso de pagar, é só não fazer dívidas, muito menos acumulá-las.

Velhaco: Significa aquele que compra e não gosta de pagar, ou seja, mal pagador, que quando é cobrado – inventa desculpas, desaparece, não está preocupado com o seu nome.

Caloteiro: Significa aquele que gosta de dar calote nas pessoas, tipo toma dinheiro emprestado afim de não pagar, e não se preocupa se vai fazer ou não falta para aquele que emprestou.

Devedor ocasional : Significa o consumidor que busca sempre manter as contas em ordem, que deve e tem preocupação de pagar, às vezes até demora de pagar o que comprou ou que tomou emprestado, não que seja de proposito, mas sim por não ter a quantia certa. Já quando tem o dinheiro, ela paga tudo certinho, ou dar pelo menos um pouco e explica a dificultosa situação financeira para a pessoa que ela está devendo, afim de que ela possa entender o caso e não julgar mal a sua pessoa.

Geralmente, não todos, virgula (,) mas aqueles que mais gostam de comprar são considerados os que menos gostam de pagar e são visto como os mais endividados, isso, porque elas gastam excessivamente, quando bate o aperto, toma dinheiro emprestado e não paga de volta. Também, compra a prazo mas não se lembra de pagar.

Comprar e não querer pagar não é um assunto tão polêmico no País, pois é bastante comum isso acontecer. Não importa o tipo de religião que a pessoa segue. No entanto, só há uma diferença, os cristãos, as vezes são julgados como pessoas mal pagadoras, isso, por culpa de outros crentes que compram e não pagam corretamente. E, por causa de alguns crentes que não gostam de pagar, todos os cristãos acabam sendo prejudicado por causa deles, ou seja, são apontados como pessoas que não tem compromisso de pagar. Trata-se de um caso bastante semelhante com aqueles que se dizem ser cristãos, ou seja, que brincam de ser crentes, um pé dentro da igreja e outro pé fora, fazendo coisas que é contra a vontade de Deus. No entanto, diversas pessoas evangélicas que tem compromisso sério com Deus, são julgados e prejudicados por causa desses falsos cristãos. Mas o verdadeiro crente não pode desanimar por causa disso, afinal, o inimigo tenta nos fazer desistir de Deus, mas temos que olhar para frente, não desviar nem para direita e nem para a esquerda, seguir rumo reto.

Versículos sobre pessoas que não pagam suas dívidas

Provérbios 22:7 – “O rico domina sobre o pobre; quem toma emprestado é escravo de quem empresta”.

Salmos 37:21 – “Os ímpios tomam emprestado e não devolvem, mas os justos dão com generosidade”.

Provérbios 13:11 – “O dinheiro ganho com desonestidade diminuirá, mas quem o ajunta aos poucos terá cada vez mais”.

Provérbios 22:26-27 – “Não seja como aqueles que, com um aperto de mãos, empenham-se com outros e se tornam fiadores de dívidas; se você não tem como pagá-las, por que correr o risco de perder até a cama em que dorme”?

Romanos 13:8 – “Não devam nada a ninguém, a não ser o amor de uns pelos outros, pois aquele que ama seu próximo tem cumprido a Lei”.

Provérbios 28:8 – “Quem aumenta sua riqueza com juros exorbitantes ajunta para algum outro, que será bondoso com os pobres”.

Levítico 25:35-38 – “Se alguém do seu povo empobrecer e não puder sustentar-se, ajudem-no como se faz ao estrangeiro e ao residente temporário, para que possa continuar a viver entre vocês. Não cobrem dele juro algum, mas temam o seu Deus, para que o seu próximo continue a viver entre vocês. Vo­cês não poderão exigir dele juros nem emprestar-lhe mantimento visando a algum lucro. Eu sou o Senhor, o Deus de vocês, que os tirou da terra do Egito para dar a vocês a terra de Canaã e para ser o seu Deus.

Mateus 18:23-35 – “Por isso, o Reino dos céus é como um rei que desejava acertar contas com seus servos. Quando começou o acerto, foi trazido à sua presença um que lhe devia uma enorme quantidade de prata. Como não tinha condições de pagar, o senhor ordenou que ele, sua mulher, seus filhos e tudo o que ele possuía fossem vendidos para pagar a dívida. “O servo prostrou-se diante dele e lhe implorou: ‘Tem paciência comigo, e eu te pagarei tudo’. O senhor daquele servo teve compaixão dele, cancelou a dívida e o deixou ir. “Mas, quando aquele servo saiu, encontrou um de seus conservos, que lhe devia cem denários. Agarrou-o e começou a sufocá-lo, dizendo: ‘Pague-me o que me deve!’ “Então o seu conservo caiu de joelhos e implorou-lhe: ‘Tenha paciência comigo, e eu pagarei a você’. “Mas ele não quis. Antes, saiu e mandou lançá-lo na prisão, até que pagasse a dívida. Quando os outros servos, companheiros dele, viram o que havia acontecido, ficaram muito tristes e foram contar ao seu senhor tudo o que havia acontecido. “Então o senhor chamou o servo e disse: ‘Servo mau, cancelei toda a sua dívida porque você me implorou. Você não devia ter tido misericórdia do seu conservo como eu tive de você?’ Irado, seu senhor entregou-o aos torturadores, até que pagasse tudo o que devia. “Assim também fará meu Pai celestial a vocês se cada um de vocês não perdoar de coração a seu irmão”.

1 Comentário

  1. Dois maus pagadores me emprestaram dinheiro e não pretendem me pagar, já dei todas as oportunidades de tempo para me pagarem e nada, gostaria de lhes mostrar como Deus vê esses mais pagadores e qual e o castigo.

    Sandry Myrria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *